Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Loose Lips

Devaneios sobre tudo e sobre nada.

Loose Lips

Devaneios sobre tudo e sobre nada.

07.Dez.17

M de Mestre

A elaboração de uma tese de mestrado (ou dissertação, como lhe queiram chamar) é um processo indissociável de uma jornada emocional, a sério. Por motivos vários a minha dissertação foi um processo de dois anos, o dobro do incialmente previsto e que terminou faz hoje uma semana. Foi um projeto que me deu imenso gozo, um projeto que me permitiu não só aprender imenso como desenvolver competências muito importantes, mas também foi um projeto que me deu alguma frustração, em (...)
27.Nov.17

Expressões parvas da língua portuguesa

Não caibo em mim com a quantidade de expressões parvas que existem na língua portuguesa, mas há uma em particular que tem a capacidade de me enervar, aquela que faz com que todos os nervos do meu corpo reajam e se contorçam todos num esforço hercúleo em não esbofetear o anormal que está do outro lado. E essa expressão é, nada mais, nada menos, do que aquela típica expressão utilizada quando se encontra uma pessoa que não se vê há imenso tempo e com quem não nos damos assim (...)
20.Nov.17

Pontas Soltas

Descobri que afinal ainda havia pontas soltas na minha vida, mais do que as que me conseguia lembrar e, ao que parece, este foi o ano em que as pessoas à minha volta quiseram resolvê-las. Estamos a falar de coisas várias que terminaram há anos, mas naquele terminar que nunca tinha ficado resolvido, verdadeiramente. Agora e por algum motivo tive direito às explicações que ficaram por dizer e aos devidos pedidos de desculpa, de ambos os lados. Não vou mentir. Soube bem. Por muito que (...)
16.Nov.17

Acne: uma relação difícil

 A acne surgiu na minha vida por volta dos 12 anos e foi piorando até aos 14 anos, sensivelmente, altura em que desenvolvi uma acne suprassumo. Não estamos aqui a falar de algumas borbulhinhas ou pontos negros, estamos a falar de verdadeiros vulcões com o topo amarelo que deixavam crateras e vermelhidões quando eu resolvia rebentá-los, e de todo o tipo de pontos negros.A zona mais afetada sempre foi a testa. Usava inclusivamente uma franja para tapar os principais vestígios (sim, eu (...)
15.Nov.17

#metoo

Não, este não é um post em que me junto a todas as estrelas do mundo do espetáculo para contar a minha experiência de assédio. Nunca aconteceu. Não obstante, acho curiosa esta súbita avalanche de relatos de assérdio e/ou abuso. Atenção que não estou a desvalorizar estas questões, de todo. Só acho curioso que, neste tipo de questões, depois de haver uma brecha mínima toda a gente sinta a necessidade de pôr o bracinho no ar e dizer "eu também, eu também". Mas então se (...)
10.Nov.17

É legítimo perguntarem-nos o salário?

 Trabalho na área de Recursos Humanos ou, como eu prefiro dizer, na área de Gestão das Pessoas e no LinkedIn surgem perspetivas muito interessantes sobre os mais diversos assuntos relacionados com esta área. Hoje, numa das minhas muitas incursões nesta rede, deparei-me com uma esta partilha que levanta uma questão verdadeiramente importante: é ou não legítimo, num processo de recrutamento, questionar sobre o salário anterior?De facto a minha experiência em matéria de (...)
07.Nov.17

Fazer tanto com tão pouco

No domingo o J. fez anos, 25. Era uma data importante, aliás, como é sempre, mas acho que este ano tinha uma peso um bocadinho maior... O J. assumiu um novo desafio profissional e, como tal, não só trabalhou no seu dia de anos, domingo, como trabalhou 14h00 e saiu às onze da noite. Considerando ainda que eu me levanto às 05h30 para ir para o Porto, isto complicou um bocadinho a logística da celebração, sobretudo porque ainda não moramos juntos... Ainda assim, no domingo, tive (...)
06.Nov.17

Dos sítios que valem a pena #2 - Ciés, Santiago, Corunha, Picos, Léon e Puebla de Sanabria

   Após quase dois anos sem férias, por motivos profissionais, consegui (finalmente!) ter férias este ano e decidimos fazer planos de forma a aproveitar todos os bocadinhos para descansar.Depois de uma semana a dois de papo para o ar em Marrocos e de umas férias de sonho em Singapura e Bali, decidimos aproveitar a segunda quinzena de agosto para fazer uma coisa diferente.Como tal, atracamos o smart com tudo o que precisávamos para a viagem – tenda, mochilas de campismo a rebentar (...)
02.Nov.17

Escapadinhas #1 - Serra da Estrela

  Aproveitamos o fim-de-semana do 5 de outubro para fazer as malas rumo à Serra da Estrela. Eu sei, eu sei... Nesta altura não há neve, então porquê a Serra da Estrela? Na verdade, nem eu nem o J. gostamos de neve; por outro lado adoramos montanha e depois da ótima experiência nos Picos da Europa (mais sobre isso em breve), optamos por (re)visitar a Serra nesta altura. Por isso, na quinta-feira rumamos à Serra, com uma pequena paragem em Viseu para o almoço.Ficamos hospedados (...)